Autenticar  
clique na miniatura
para ver as imagens
 
Estrutura Hierárquica do Processo

Fundo
DGFP
Direcção-Geral da Fazenda Pública

SubFundo
DGFP/RP
Repartição do Património

Secção
DGFP/RP/PTO
Porto

SubSecção
DGFP/RP/PTO/PTO
Porto

Série
DGFP/RP/PTO/PTO/BARTS
Bens Artísticos

Processo
DGFP/RP/PTO/PTO/BARTS/009
Acerca de diversas peças do Museu Nacional Soares dos Reis



Ficha de descrição arquivística

Código de referência
PT/ACMF/DGFP/RP/PTO/PTO/BARTS/009

Título
Acerca de diversas peças do Museu Nacional Soares dos Reis

Data produção inicial
1945-04-06

Data produção final
1947-06-03

Dimensão
Cx. 2

Assunto
Pedido de devolução ao Museu Nacional Soares dos Reis, do Porto de uma "naveta de prata lavrada em forma de galeão, proveniente da Igreja de Muxima, trabalho francês do século XVII" para integrar o Museu de Angola, feito pelo comandante Ernesto de Vilhena ao Ministro das Colónias com vista a que "se procurasse recuperar para Angola e seu Museu esta tão interessante relíquia do venerando baluarte da resistência portuguesa à invasão dos holandeses que foi a Muxima com a sua fortaleza e a sua igreja". Por despacho do Ministro das Finanças de 25 de Junho de 1945 foi decidido que a peça continuaria no Museu Soares dos Reis, em virtude de ter sido dada como recordação, no local, ao príncipe D. Luís Filipe durante a viagem que realizou em 1907 que a ofereceu a sua mãe, a rainha D. Amélia, e fazer falta na sala de ourivesaria do referido museu.Depósito no Museu Nacional Soares dos Reis, do Porto, da estátua "Conde de Ferreira", mármore original da autoria de Soares dos Reis, existente no cemitério da Celestial Ordem Terceira da Santíssima Trindade, em troca da reprodução em bronze da mesma estátua existente no citado museu.Segundo carta escrita pelo pintor de arte Pedro Jorge Pinto publicada em vários jornais, o restauro dos quadros existentes no Museu Nacional Soares dos Reis, do Porto, não estariam a ser feitos com os necessários cuidados, com especial destaque para os do pintor Silva Porto: "Os céus de todos os quadros expostos na sala dedicada a esse artista foram repintados de forma a não haver o menor escrúpulo técnico ou de cor, chegando a caiação a tocar as árvores, fundos e até águas..." No entanto, a Direcção Geral do Ensino Superior e das Belas Artes conclui não haver fundamento para a acusação feita.Autorização para a Espada de D. Afonso Henriques, à guarda do Museu Nacional Soares dos Reis, do Porto, esteja presente no Castelo de São Jorge, em Lisboa, no hastear da bandeira nacional pelo Chefe de Estado no início das Comemorações da Tomada de Lisboa aos Mouros e noutras cerimónias comemorativas. Contém o auto de entrega lavrado a 13 de Maio de 1947.

Código antigo
Proc. P-17-7; PT/ACMF/DGFP1/PTO/PTO/BARTS/009

Cópias Digitais ou Digitalizadas  
Recurso 167954/0


ver XML no esquema nativo SGMF

ver XML no esquema OAI_DC

ver XML no esquema EAD

Arquivo Digital do Ministério das Finanças